domingo, 25 de janeiro de 2009

Era uma vez...

4 funcionários públicos chamados Toda-a-Gente, Alguém, Qualquer-Um e Ninguém.

Havia um trabalho importante para fazer e Toda-a-Gente tinha a certeza que Alguém o faria.

Qualquer-Um podia fazê-lo, mas Ninguém o fez.

Alguém se zangou porque era um trabalho para Toda-a-Gente.

Toda-a-Gente pensou que Qualquer-Um podia tê-lo feito, mas Ninguém constatou que Toda-a-Gente não o faria.

No fim, Toda-a-Gente culpou Alguém, quando Ninguém fez o que Qualquer-Um poderia ter feito.

Foi assim que apareceu o Deixa-Andar, um 5º funcionário para evitar todos estes problemas...

2 comentários:

Sofia,Pedro e Joana disse...

Pois...parece-me que o "Deixa Andar" é aquele que mais "filhos" gerou...!
Beijinhos,Sofia,Pedro e Joana

'C. disse...

... sobretudo neste paisinho plantado à beira-mar chamado Portugal.. :P