sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Afinal de contas é 6feira

E vou passá-la em casa! Estou cheia de dores de cabeça, ão sei sequer se me apetece sair, não sei se e apetece ir a tua casa ter contigo ou se me apetece ir contigo beber café. Estou magoada! Estou triste! Estou desiludia! Estou furiosa por dar tudo a uma pessoa e essa pessoa retribui com uma comparação impossível de ser feita, ou pelo menos devia! Aquilo que eu considero uma boa amizade é o que temos, sem dúvida! Aquilo que eu admiro em ti é essa frontalidade, esse espírito e essa forma de dramatizar os assuntos. Na realidade também gostava de o saber fazer! Mas sabes, eu não sou perfeita. Não consigo sê-lo, e na realidade acho que ninguém o é! Nem mesmo tu. O que se passa ou passou para mim não foi assim tão mau, se calhar tudo isto serviu para me mostrar na realidade o que és, e como és... Ou serviu para me dar certezas! Achas que não te conheço mas estás enganada. Se por vezes sou dura contigo não é porque não gosto de ti. Se por vezes te magoa ouvir o que eu digo, se te dói saber que não tenho a mesma opinião que tu, se te magoam as minhas atitudes, acredita que não faço por mal, de todo, simplesmente somos pessoas diferentes e é por isso mesmo que as coisas funcionam! É por isso que sou tua amiga. É por isso que te quero para sempre. Uma pessoa compensa a outra, do fundo do coração: EU AMO-TE!
És aquela pessoa que por mais que me doa ouvir o que dizes eu sei que não é por mal, mas sim para me mostrar que nem sempre estou certa! Mas repara: TU também precisas de ouvir certas coisas para perceberes que não estás sempre certa! Nunca ninguém está certo na realidade!
Para mim, a tua opinião, a tua companhia, tudo me faz muita falta e é mais que precioso... MAS também não vou deixar que me "pises"! Sabes que estou sempre aqui... Sabes que o jantar de hoje se mantém de pé... Sabes que te agradeço por tudo o que fizeste por mim e comigo nestes últimos tempos. Sabes que me fazes falta não por uma questão de "precisar" mas simplesmente porque és minha amiga. Também já sei que sou a tua única amiga com quem discutes, com quem andas sempre às "turras"! Sei que sou a única em muita coisa... Mas pensa que na realidade, quando estiveste mal, fui das poucas que não te abandonou. Mas normalmente as que estão por perto são as que mais saem prejudicadas... Mais uma vez te digo: Mudar!? NEM UMA VÍRGULA! Estive onde não devia, fiz o que possivelmente nem devia... Mas mete-te na minha posição. Ele também é meu amigo! Não compares coisas do passado com coisas recentes. Não compares pessoas. Não somos todos iguais.

Amo-te*
(queres alguma coisa mais pirosa!?!? Desculpa, não consegui!)

2 comentários:

Morce disse...

Eu usava essas imagens no 5º ano ó diana.
Espero que fique tudo bem ;)

Patricia disse...

está tão lindo (':
vai jantar com ela !